domingo, 31 de janeiro de 2016

Pegada Ecológica: faça a sua parte




Pegada Ecológica: faça a sua parte
(Gleidson Melo)

A Terra não é tão redonda o quanto imaginamos ser. Prestes a cambalear e cair como um peão de madeira em sua volta mais lenta, poderá não resistir às pressões provocadas pelo homem contemporâneo e ser racional, o qual foi delegada a missão de cuidar do planeta. A existência da vida depende de cada giro em torno de si mesma e os dias completados refletem marcas de destruições deixadas na natureza.

A respiração vai escapando por um fio e com inteligência e práticas sustentáveis devemos cuidar do meio ambiente, para que as gerações vindouras possam viver em paz.

Planeje-se e consuma somente aquilo que é necessário para a manutenção da vida, porque o consumo desenfreado poderá destruir o planeta.

Siga consciente e caminhe rumo ao desenvolvimento sustentável. Lembre-se, os seus passos poderão deixar marcas importantes para a preservação e conservação da vida na Terra.

O que é Pegada Ecológica?

Segundo a WWF-Brasil (organização não-governamental dedicada à conservação da natureza): [...] a nossa caminhada pela Terra deixa "rastros", pegadas, que podem ser maiores ou menores, dependendo de como caminhamos. De certa forma, essas pegadas dizem muito sobre quem somos.

Aprenda um pouco mais sobre o assunto visitando a página da WWF-Brasil. Você também poderá calcular a sua Pegada Ecológica, confira no site: Pegada Ecológica.


Disponível no site Enseada dos Pensamentos

quarta-feira, 27 de janeiro de 2016

Frevo na Medida Certa





Frevo na Medida Certa

(Gleidson Melo)

Pura poesia, os passistas misturam-se à melodia contagiante do frevo. É o ritmo da saudade levado nos compassos da emoção. Em qualquer lugar e a qualquer hora dos dias de Carnaval, propagam-se nas ondas sonoras das rádios um movimento da mais pura realidade dos festejos pernambucanos. 

As sombrinhas policromáticas giram e marcam as marchas de outrora, balanço contagiante que invade a mente, o corpo e a alma. Os Bonecos Gigantes de Olinda, o Galo da Madrugada no Recife, milhares de foliões na multidão se confundem num só coração.

Dádiva dos idos de Capiba, o frevo na medida certa faz valer a espera dos foliões. Em Pernambuco é assim, amor sem fim.



Disponível no site Enseada dos Pensamentos